[RESENHA] O ANO EM QUE DISSE SIM, SHONDA RHIMES



Ano: 2016

Páginas: 256

Língua: Português

Editora: Best Seller

Preço Médio: 29,00

Sinopse: Um livro motivador da aclamada e premiada criadora e produtora executiva dos sucessos televisivos Grey’s Anatomy, Private Practice e Scandal, e produtora executiva de How to Get Away with Murder.
Você nunca diz sim para nada. Foram essas seis palavras, ditas pela irmã de Shonda durante uma ceia de Ação de Graças, que levaram a autora a repensar a maneira como estava levando sua vida. Apesar da timidez e introversão, Shonda decidiu encarar o desafio de passar um ano dizendo “sim” para as oportunidades que surgiam. Os “sins” iam desde cuidar melhor de sua saúde até aceitar convites para participar de talk shows e discursos em público. Além disso, Shonda deu um difícil passo: dizer sim ao amor próprio e ao seu empoderamento. Em O Ano em que disse sim, Shonda Rhimes relata, com muito bom humor, os detalhes sobre sua vida pessoal, profissional e como mergulhar de cabeça no “Ano do Sim” transformou ambas e oferece ao leitor a motivação necessária para fazer o mesmo em sua vida.

Gente como a gente… que aprendeu a focar, e ser feliz!

Para quem ama séries de TV, Shonda, sem duvida nenhuma é uma das mais populares e conhecidas que existem. A mente por trás de uma das séries que nunca tive coragem de começara assistir, vulgo Grey’s Anathomy – gente, só vejo a galera sofrendo!!! nunca me arrisquei por isso! kkkk – e produtora de dois vicios meus, que se destacam por ter protagonismo feminino e diversidade no elenco e nos personagens, Scandal e How To Get Away With Murder, é óbvio que o livro não poderia ser menos que fantástico.

Fantástico pelo fato da Shonda abrir seu coração e um pouco de sua intimidade. Para quem é da área de comunicação ou que depende de sua criatividade para viver, bem sabe como é raro ter mulheres ocupando os espaços que ela ocupa. Uma mulher, e negra, a luta praticamente triplica. Ainda existe bastante resistência e como se sem isso, ocupar um cargo alto ou alcançar o seu sucesso já é algo não tão simples, foi delicioso ver essa mente criativa se despindo de forma tão natural e divertida. Em O ano em que eu disse sim, Shonda mostra que é gente como a gente, e que as coisas mudaram a partir do momento em que ela focou em seus objetivos, por mais loucos que fossem e por mais curtos que fossem os prazos também.
A maior lição de seu livro, é que temos que acreditar em nós mesmos, antes de tudo. Alguns podem até considerar um livro de auto ajuda, ou até mesmo uma leve biografia, mas ao ler o livro, me senti inspirada, como se estivesse conversando com uma amiga. Toda vez que a gente sente medo, não costuma ser uma palavra muito fácil de escorregar por nossos lábios. Somos o nosso maior limitador, e, a partir do momento que começamos a dizer sim para novas oportunidades, por mais que não deem certo, estamos saindo de nossa zona de conforto e abrindo espaço para muito mais.

Seja por você ser fã do trabalho dela, ou por você querer se inspirar… em ambos os casos eu recomendo o livro. Ou, se você apenas quer uma leitura leve, estilo biografia, também indico o livro. Ou até mesmo se quer ler algo diferente de tudo que está acostumado a ler. Afinal, a magia acontece fora da sua zona de conforto.

xoxo

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.