TOC- Transtornada Obsessiva Compulsiva



Em TOC- Transtornada Obsessiva Compulsiva, Tatá Werneck é Francisca ou melhor,Kika K , atriz que está no auge da carreira. Mas por trás dos holofotes, vive em crise pessoal e profissional. Kika se depara com Felipe, fã obsessivo (Luis Lobianco), Caio Astro, namorado galã bem bobão (Bruno Gagliasso) e sua exigente empresária Carol (Vera Holtz).

Em meio a uma disputa para protagonizar uma novela chamada Amorgedon, a primeira novela pós-apocalíptica do horário nobre com sua maior rival, Ingrid Guimarães  (no papel dela mesma, sim), ela se depara com ter que fazer o lançamento seu primeiro livro, “1003 maneiras de ser feliz”, sendo que nem ela sabia que tinha escrito o mesmo. Sim, ele foi escrito por um ghost writer, e após ele ter deixado uma mensagem enigmática para ela, ela o resolve procurar com a ajuda de Vladimir  (Daniel Furlan), vendedor da livraria em que foi feita o lançamento,  e se depara com o ghost writer morto.

Estranho é perdeber que o TOC da atriz é apenas usado como gatilho para alguns acontecimentos engraçados, mas não como mote principal. O principal no filme é vermos a evolução da Kika como ser humano e assim evoluindo.

Com uma mega edição de imagens e fotografia (incrível,  sério ),  o filme tem um final instigante e que faz pensar. Tatá Werneck dá um show com sua primeira protagonista de filme, mostrando que consegue sim fazer humor sozinha. Mas que acompanhada do elenco, ela dá show.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.